• (91) 92000-6716

Onda de frio faz nevar no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina

“As condições para nevar no Sul do Brasil são ainda maiores nesta sexta-feira, 21 de agosto, e algumas áreas terão geada. A grande e forte massa de ar frio de origem polar que chegou ao Sul do Brasil, e permitiu a ocorrência de neve, vai atuar com mais força ainda nesta sexta-feira”.

A Massa de ar frio que atinge, desde o dia 18, a América do Sul baixou significativamente a temperatura em diversas áreas do Brasil a ponto de fazer nevar em várias áreas das serras gaúcha e catarinense. Segundo a meteorologia, os termômetros registraram temperatura negativa, neve e chuva congelada em várias áreas dos dois estados.

Tendo por base dados do o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) e de alguns aeroportos do país, o Climatempo, site especializado em meteorologia, informou que em Bom Jardim da Serra (SC) a temperatura ficou em -8°C hoje (21), por volta das 5 horas. Ficou também negativa nas cidades catarinenses de São Joaquim (-4°C) e Lages (-1°C). Em São José dos Ausentes e Quaraí (RS) os termômetros marcaram -4°C, e em Vacaria (RS), -3°C. No sul do Paraná, em Dom Pedrito (RS) e em Xanxerê (SC) foi registrado 0°C.

Com isso, “várias áreas das serras gaúcha e catarinense registraram neve e chuva congelada na tarde e noite desta quinta-feira, 20 de agosto”, informou o Climatempo. De acordo com o site, esses fenômenos ocorreram em São Francisco de Paula (RS), São Joaquim (SC), Nova Petrópolis (RS), Gramado (RS), São José dos Ausentes (RS) e Cambará do Sul (RS), Canela (RS).

“As condições para nevar no Sul do Brasil são ainda maiores nesta sexta-feira, 21 de agosto, e algumas áreas terão geada. A grande e forte massa de ar frio de origem polar que chegou ao Sul do Brasil, e permitiu a ocorrência de neve, vai atuar com mais força ainda nesta sexta-feira”, acrescenta.

Há previsão de neve e outros tipos de precipitação de inverno para hoje na serra do Rio Grande do Sul, na serra e nos planaltos sul e norte de Santa Catarina e no sul do Paraná. Em todas estas áreas, o céu fica nublado e faz muito frio o dia todo.

Imagens de satélites mostram nebulosidade sobre o Sul do Brasil que podem resultar em grande quantidade de nuvens e condições para chuva no centro-norte e leste do Paraná e no nordeste e leste de Santa Catarina, informa o Climatempo.

“Ao contrário da neve, a geada é um fenômeno que ocorre quando o céu está com pouca ou nenhuma nebulosidade e faz bastante frio. Quase todo o Rio Grande do Sul e o oeste de Santa Catarina já estavam praticamente sem nuvens. São nestas áreas que a geada se forma já na madrugada e ao amanhecer desta sexta-feira, 21. A geada também deve ocorrer no sudoeste do Paraná, região de Foz do Iguaçu”, acrescenta.

 

***

 

Capital paulista tem frio e chuvas fracas

As temperaturas mínimas atingiram 9,6°C no início da tarde de hoje (21) na capital paulista, de acordo com as estações meteorológicas do Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), da prefeitura de São Paulo.

A manhã terminou com céu encoberto, frio e chuvas fracas na cidade, marcando 9,4°C em média. A temperatura mínima mais baixa do ano foi registrada nos dias 27 e 28 de maio quando os termômetros marcaram 8,7°C.

Segundo o CGE, o tempo segue estável nas próximas horas com nebulosidade e chuvas variando de intensidade entre fraca e moderada. Não há previsão de temporais, porém, o solo encharcado e a continuidade das condições de chuva elevam o potencial para formação de alagamentos transitáveis e deslizamentos de terra.

No final do dia as temperaturas seguem em declínio e a mínima de hoje pode ocorrer no período da noite, com previsão de termômetros em torno dos 9°C.

A tendência para os próximos dias é a de que a frente fria se afaste do litoral paulista, mas os ventos úmidos que sopram do oceano ainda causam nebulosidade e chuviscos nos próximos dias. O frio ainda permanece intenso devido à forte massa de ar polar que predomina no estado de São Paulo.

No sábado as temperaturas variam entre mínimas de 8°C e máximas de 14°C, com nebulosidade, chuvas fracas e chuviscos, que tendem a diminuir no decorrer do dia. No domingo (23) as condições de chuva diminuem e o sol retorna entre nuvens no decorrer do dia, com as temperaturas variando entre 9ºC e máximas de 16ºC.

 


Fonte: Agência Brasil

Tirado do site: https://tribunadaimprensalivre.com/